Outras lições de convivência corporativa

Se você ficar com alguma colega de trabalho, um simples p.s. naquele email sobre gestão de recursos humanos não conta como “telefonar no dia seguinte”.

Você coloca papel no cesto de lixo azul, plástico no cesto de lixo vermelho e lixo orgânico no cesto verde. O pessoal da limpeza joga tudo junto dentro de um grande saco preto.

O café é basicamente como uma droga, com a única diferença de que ele…hummm…o café é basicamente como uma droga.

Em todo escritório tem uma colega que leva um monte de frutas pro trabalho e oferece pros colegas. Apenas no seu tem um cara que cobra por isso.

Levar um coração aberto e total sinceridade para uma pesquisa de ambiência é como levar uma colher para uma guerra atômica.

A garota do RH sempre é a mais bonita do andar. Sempre. Revogam-se todas as disposições em contrário.

Com o tempo você vai descobrir que quase todas as atitudes e linhas de raciocínio do Dwight são baseadas em fatos reais que se passam na sua gerência.

A garota do RH também é a mais inteligente, a mais legal e aquela que pode contar contigo sempre que precisar. Ainda mais porque você precisa daquela folga pra viajar na páscoa.

Aos funcionários perto da aposentadoria é garantida a mesma tolerância que temos com veteranos de guerra. Por isso não se impressione quando eles começam a gritar sem razão, cospem no carpete ou correm em pânico pelo corredor. Apenas acene e sorria.

Seu chefe não te deu um apelido para te diminuir perante seus colegas. Ele te deu um apelido para te diminuir perante seus colegas e para se divertir com a sua cara.

Se no seu setor existem quatro pessoas (contando você), três delas vão sair de férias ao mesmo tempo. E assim que elas saem, o seu setor, que era auxiliar, se torna uma área crítica, com demandas urgentes e caóticas do tipo “preparar um powerpoint de 200 telas para ontem de manhã. Ah, e coloca aquela música do ‘eu me remexo muito’ tocando ao fundo”.

Depois das 16:00 a sua vida pessoal se torna um dos assuntos mais importantes e interessantes do seu setor. Sérião mesmo.

Evite usar em reuniões ou eventos corporativos frases como “prefiro que você corte fora minha perna e me chute com ela” ou “essa é uma idéia tão boa quanto beliches de casal para praticantes de swing”.

Se numa dinâmica pedirem pra que você compare seu superior com um animal tente sempre mencionar águias, leões e tigres. Nunca, mas nunca, mencione mulas, antas ou um ornitorrinco drogado e com apenas uma pata.

Anúncios

12 Comentários

Arquivado em Mundo (Su)Real

12 Respostas para “Outras lições de convivência corporativa

  1. tu é formado em que mesmo? jurava que tu era jornalista…

  2. droga, pensei nessa piada do e-mail ainda agorinha, mas cheguei tarde demais!
    >.<

  3. Ri muito com esse post!

    A das 200 telas foi demais!

  4. Eu discordo sobre a garota do RH.
    Trabalhei num lugar onde ela era a personificação da expressão “mulher mal-comida”.

  5. ana tereza

    o texto é otimo mas os comentários são sensacionais!

    • João Baldi Jr.

      Isso é interatividade. Tem textos aqui que mereciam ser postados só pelos comentários que o pessoal fez depois

  6. Eu sempre leio os comentários antes do texto, só pra saber se vale a pena lê o texto mesmo!
    E realmente vale!! ótimo!

  7. Juninho

    Porque sempre que eu leio aqui fico com a impressão de que você não gosta muito do trabalho que você quis tanto?

  8. Renata

    Você é fantástico!!!
    A cada frase, uma ilustração na cabeça!

    RIALTO! e depois.. tornei-me fã!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s