Plano de Comunicação 2010 – Tentativa rejeitada #878

Tema: A nossa gerência é… [substitua aqui o “nossa gerência” pelo nome da sua gerência]

Ações previstas:

Nossa gerência é…amor: Será feita uma relação de todas as pessoas solteiras,separadas,desquitadas e/ou solitárias da gerência e isso será incluído em um banco de dados visando a busca de parceiros dentro da própria unidade através de encontros proporcionados pelo setor de comunicação e orientados por uma junta de gerentes. Esse programa visa não só elevar a moral dos funcionários, que não mais se sentirão abandonados ou rejeitados como também aumentar a produtividade da unidade, já que funcionários casados tendem a passar menos tempo em casa e buscar no trabalho um refúgio, o que aumentaria as horas extras e a dedicação ao trabalho, como válvula de escape. Outra vantagem da campanha seria a de tornar mais excitante o clima do ambiente de trabalho, com constantes discussões, bate-bocas, crises de ciúme e demonstrações públicas de hostilidade.

Nossa gerência é…carinho: Em 2010 serão implementadas em cada gerência campanhas específicas visando aumentar a freqüência das demonstrações públicas de afeto e carinho entre a força de trabalho. Além do dia do abraço coletivo, do dia do abraço da baia, do dia do abraço do gerente, e do dia do abraço na máquina de café, também será criado o dia do abraço por trás, dia esse em que o ponto será facultativo e apenas os interessados deverão comparecer ao trabalho, de preferência vestindo togas romanas. Além disso também haverá uma mudança formal nas saudações padrão de emails, cartas e outros produtos de comunicação da Unidade. Termos como “caro” e “prezado” serão substituídos por outros como “chegado”, “brodinho” e “lescão”, assim como o “atenciosamente” será substituído por “um efusivo abraço” ou “saudações a você e a quem for da sua família”.

Nossa gerência é…diversidade: Visando aumentar o respeito da força de trabalho pelas pessoas com opções de vida diferentes será enviado a cada funcionário um questionário íntimo em que ele deverá responder sobre suas inclinações pessoais, sexuais, seus hobbies e ambições. Esses questionários serão analisados pela área de comunicação, em parceria com a gerência, e os funcionários que apresentarem as tendências mais bizarras, absurdas, esdrúxulas ou apenas engraçadas serão instados a fazer palestras para a força de trabalho explicando seus hábitos, gostos e hobbies. Os temas já confirmados para janeiro de 2010 são a zoofilia, o vício em comer alho e a obsessão pelos funcionários da copa.

Nossa gerência é…pura diversão: Cientes de que um ambiente de trabalho estimulante, lúdico e divertido é essencial para uma alta produtividade e bons resultados, a gerência irá transformar a diversão em uma política interna. Isso será feito através de medidas simples como as “Pegadinhas do Gerente”, em que cada semana um gerente irá chamar um de seus funcionários para uma reunião e irá avisá-lo de que ele foi demitido, para assim que o funcionário estiver retirando seus pertences gritar “rá” e dizer que era uma brincadeira; através das lutas de recepcionistas no gel, realizadas semanalmente num ringue montado no topo do prédio; e do concurso de cantadas de técnicos, em que uma funcionária escolhida por sorteio será cantada por todos os técnicos com mais de 45 anos da Unidade. Outras medidas ainda serão criadas até a implementação do programa.

Nossa gerência é…aprendizado: Serão oferecidos a força de trabalho cursos não relacionados de maneira alguma as suas áreas de atuação, visando fortalecer e disseminar as bases de conhecimento na Unidade. Cursos relacionados a pole dance, drinks afrodisíacos e confecção de bonecos utilizando balões de ar serão os primeiros da lista e serão oferecidos randomicamente aos empregados que expressarem claramente sua vontade de não fazer nenhum tipo de curso, sendo incluídos plano de desenvolvimento pessoal do empregado e sendo cobrado desempenho acima de 97% para aprovação.

Nossa gerência é…nossa casa: Um enorme programa de noites do pijama realizado em toda a Unidade, fazendo com que em cada final de semana toda a força de trabalho de uma gerência tenha que viver e dormir no seu ambiente de trabalho até a segunda-feira seguinte. O objetivo dessa atividade é promover conhecimento e integração entre a força de trabalho, gerando intimidade e reforçando relacionamentos, além de servir como auxiliar a um programa de redução de pessoal através de demissões voluntárias e assassinatos cometidos no ambiente de trabalho. O objetivo secundário é testar a resistência dos vidros de cada andar, vendo se  realmente suportam o impacto de vários corpos sendo jogados contra eles.

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em trabalho, vida profissional

4 Respostas para “Plano de Comunicação 2010 – Tentativa rejeitada #878

  1. Se tudo isso fosse verdade, trabalhar seria bem legal!

  2. O.O’

    Não sei se seria tão legal assim… Parece-me um pouco assustador…

  3. ThiagoFC

    Eu quero trabalhar na gerência de pura diversão!

  4. Juninho

    Mais administradores deveriam ler esse seu blog…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s