Publieditorial #13: Um apelo pessoal

Devido a alguns problemas de comunicação com a editora, parece que tem sido bem complicado obter cópias dos dois volumes das coletâneas de contos das quais eu participei e que saíram pela Belacop no decorrer deste ano (e eu fico muito grato mesmo aos que tentaram). Então, ainda que eu sinceramente ache que poderia ser mais interessante manter um baixo número de exemplares no mercado para que o livro algum dia se torne cult, tomei a atitude de conseguir mais algumas cópias para que eu mesmo possa realizar a venda direta, na base da amizade e da parceria, sem abuso, sem abuso, como diria Leandro Lehart.

Os interessados em adquirir alguma dessas duas obras seminais e que representam uma verdadeira revolução na literatura brasileira, podem fazer contato através do gmail jotaluisjunior. Os contos que estão no primeiro volume são “Uma história de detetive” e “Você deveria ir nas festas certas”, enquanto no segundo está “99 beijos perdidos”. O preço é de R$16,00 mais a taxa de entrega, porque somos amigos, eu sou um escritor iniciante, mas vamos com calma. A dedicatória na primeira página é claramente opcional porque eu escrevo com letra de fôrma e sempre sai feio. Mas posso pedir pra alguém com letra bonita escrever por mim se vocês quiserem.

Em outra notícia relacionada, aviso aqueles que torcem pra que eu seja publicado – ainda que sim, eu sei que várias vezes dizem isso só pra me levar pra cama. e admito, envergonhado, que quase sempre funciona – que finalmente estou terminando a revisão daquele primeiro livro de contos (sim, aquele) e começando um draft de crônicas/contos/etc pra tentar montar um livro com o que saiu de melhor no Just Wrapped pré-Interbarney. Com isso fica claro que meu projeto pra 2011 é ser continuamente rejeitado por editoras e meu projeto pra 2012 é publicar uns 4 livros de forma independente (já que comecei outro livro de contos e desconfio que vou escrever um bocado ano que vem).

No mais desejo a todos um bom sábado, um domingo repleto de realizações e que Julian Assange não vaze pra ninguém aqueles seus emails com filmes pornôs envolvendo anões.

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Book Review, Milton Neves, vida profissional

2 Respostas para “Publieditorial #13: Um apelo pessoal

  1. Nada de planos para um romance/ficção? E que tal um romance/não-ficção?

  2. Admiro tanto essas pessoas que gostam de escrever e escrevem mesmo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s