Teorias reveladoras sobre programas de TV #12, #13, #14, #15, #16 e #17

dungeons-and-dragons

#12 – No desenho animado Pokémon o personagem principal, Ash, sofre um acidente logo no primeiro episódio, entra em coma e a partir daí toda a história não se passa no mundo real e sim dentro de sua mente. Misty e Brock são aspectos de seu inconsciente que ele usa para trabalhar seus traumas e questões da adolescência, enquanto a presença de seu pai como vilão é uma representação de seus problemas familiares. Pokémon é então, mais do que um desenho sobre criaturinhas que duelam e fazem barulhos engraçados, uma análise aprofundada dos traumas da puberdade e dos problemas da dissolução familiar no oriente.

#13 – Na série Um Maluco no Pedaço, o personagem de Will Smith morre ainda durante a abertura, quando ocorre a briga na quadra de basquete. O motorista do táxi que Will pega em direção a casa de seus tios é na verdade Deus e sua presença na Califórnia é um período de crescimento e evolução espiritual num misto de céu e purgatório, onde ele pode ao mesmo tempo viver suas ilusões de riqueza e superar questões familiares. As aparições de seu pai e sua mãe são esporádicas exatamente por acontecerem apenas quando eles visitam o túmulo de Will. Mais do que uma comédia de costumes a série se torna então uma versão contemporânea da Divina Comédia de Dante, apenas com calças mais largas e mais aparições do Tom Jones.

#14 – Na série Friends, a personagem Rachel na verdade sofre um acidente e morre ao fugir do seu casamento, sendo toda a trama passada no purgatório, onde outras almas são colocadas também para superar traumas terrenos – Chandler precisa encontrar seu lugar no mundo, Monica superar suas manias e complexos, Joey precisa aprender a dividir sua comida. O único que parece ter alguma percepção disso é Ross, com suas constantes referências aos dinossauros, que já foram extintos. Já Phoebe é na verdade deus, o que explica o estado das coisas hoje. Sendo assim Friends é, mais do que uma comédia sobre solteiros na década de 90, um prequel para Lost, só que com um texto mais sério.

#15 – Na série Alf, após décadas de uma guerra incessante contra invasores de Melmac, a Terra finalmente é dominada e os seres humanos, outrora os principais predadores do planeta, se tornam apenas alimento para uma perigosa espécie de alienígenas peludos. O que vemos na série é na verdade apenas um prenúncio da verdadeira trama, que mostra como o primeiro agente alienígena se infiltrou em nosso planeta, tudo isso através das memórias do futuro líder da resistência humana, Brian Tanner, que até hoje se arrepende de ter oferecido moradia e carinho para o primeiro batedor dessa insidiosa raça invasora. Mais do que uma comédia dublada pelo Seu Peru, Alf era então o começo de uma emocionante e violenta saga de ficção científica e todos aqueles gatos comidos eram apenas jogo de cena.

#16 – No desenho animado Cavalo de Fogo a jovem garota Sara é uma estudante do ensino fundamental que após inadvertidamente experimentar peiote no quintal da fazenda de seu pai começa a afundar cada vez mais no mundo de fantasia que havia criado para fugir do sofrimento pelo qual passava no colégio, onde sofria bullying por ser a única estudante a freqüentar as aulas usando o que parecia ser um chapéu cigano com coisinhas penduradas. Buscando esquecer sua vida simplória numa família de classe média, Sara se alimenta de ilusões de grandezas relacionadas não apenas uma origem nobre como também a universos paralelos e animais falantes, dando a si mesma um senso de importância que compense sua baixa auto-estima. Cavalo de Fogo é então, mais do que uma série de fantasia, um estudo da adolescência e do próprio conceito de realidade, além de agora termos uma explicação racional pro porque do cavalo de fogo nunca ter efetivamente pego fogo ou mesmo lançado fogo, alguma coisa assim. Eu nunca entendi isso. Porque ele era um “cavalo de fogo” então, certo?

#17 – A série Twin Peaks na verdade é um documentário.

[E sexta-feira passada também abordamos temas polêmicos, ainda que não tanto quanto o Cavalo de Fogo, em mais uma participação num blog amigo, dessa vez falando sobre mulheres, sexualidade e gente que vai pra cama no primeiro encontro]

Anúncios

12 Comentários

Arquivado em Televisão, teorias

12 Respostas para “Teorias reveladoras sobre programas de TV #12, #13, #14, #15, #16 e #17

    • joão baldi jr.

      Obrigado mesmo por essa dica, achei sensacional [apenas as teorias sobre Castle e Firefly terem ligações diretas já alegraram meu dia]

    • ThiagoFC

      Olha só, That 70’s Show também era um purgatório!
      De que outra forma explicar 8 natais entre 1976 e 1979?
      (E Donna tinha uma irmã??? Não me lembro disso…)
      p.s: Até Carrossel e Chaves com teorias da conspiração?!?!

      • vinicius

        Cara, faltou voce citar “Caverna do Dragao”. Nenhum outro desenho/série/filme no mundo tem mais teorias conspiratórias do que a trama (destina ao público infantil) de jovens que morreram na montanha-russa e foram parar no inferno.
        Mas mesmo assim essa história do mundo do pokemon ser criaçao de um adolescente para evitar os traumas da sua vida familiar é coisa de gênio.
        Só um gênio pode ter esse tipo de entendimento.

  1. Maria Clara

    Ótimo!

  2. tipo o fim mítico de Caverna do Dragão. muito bom, João!

  3. ThiagoFC

    Sensacional!
    As explicações sobre Friends, Alf e Cavalo de Fogo foram fantásticas.
    Mas o Joey vai passar muito tempo nesse purgatório, porque ele não divide a comida!

  4. Marjorie

    Sensacional, simplesmente. Nunca tinha ouvido essa do Will Smith e, olha, faz sentido.

  5. A de número 17 é fato consumado desde a exibição na TV Record, já que contava com narração de Marcelo Rezende em voiceover.

  6. pedro

    nossa quem inventou isso só pode fazer psicologia, e ser retardado, nunca li tanta besteira junta, só faltou falar sobre caverna do dragao com a teoria idiota sobre o suposto inferno, que é outra grande besteira também, os próprios produtores já revelaram…

  7. Não queria ter lido sobre Friends ‘-‘

  8. Estando VÍRUS DO PAPILOMA HUMANO assistente dentro
    de 99% dos casos a caranguejo com cólon com ventre, a anosidade entretanto tida que
    nem aspecto dentre risco, era a banda etária de maior acontecimento a de 35-49 anos a antiguidade, em relação
    a distinção para aquelas mulheres que em algum tempo realizaram auditagem desde
    Papanicolau (ACADEMIA AUTÓCTONE DESDE CANCRO, 1996). http://glikop.01pklkhemmail.gewinnspiele.es/php.php?a%5B%5D=%3Ca%20href%3Dhttp%3A%2F%2Fdietasemglutemcardapio.info%2F%3Edieta%20sem%20gluten%20cardapio%3C%2Fa%3E

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s