Arquivo da tag: garotas

Sobre Star Trek, Ellen Page e o seu tipo de garota

Como dá pra notar facilmente por aqui (e já foi mencionado em outros posts) eu não sou exatamente um poço de contundência, convicções e certezas. Claro, existem aquelas poucas diretrizes que me guiam no universo e me impedem de estar totalmente à deriva no caos da cultura ocidental moderna tal qual um barquinho de papel construído por uma criança sem coordenação motora, mas são poucas e não dariam uma página (nesse momento, por exemplo, eu só consigo pensar em heterossexualismo, futebol e que não gosto de uvas passas). E um desses tópicos sobre o qual eu tenho poucas certezas (e que acabou vindo à tona por causa das repetidas menções a meninas gordinhas e do post sobre ruivas) é o de qual seria exatamente o “meu tipo” de garota.

Continuar lendo

29 Comentários

Arquivado em Mundo (Su)Real, Nerdices, Vida Pessoal

Não-post #1 – A garota gordinha de Malhação

Hoje em dia é raro que eu assista TV, principalmente a aberta. A internet, os quadrinhos, o vídeo-game e até mesmo a vida real (ou surreal, vai saber) acabaram reduzindo meu tempo na frente da tela a momentos bem específicos, como ver futebol (sempre que tem alguma partida sendo exibida) e ver Bones, quando eu realmente não tenho outra coisa pra fazer (não que eu ame Bones, é apenas que sempre coincide de estar passando Bones, não se explicar por que). Por isso minha cota de TV aberta acaba sendo utilizada uma vez por mês ou até menos, quando viajo para Juiz de Fora e acompanho a animada programação televisiva escolhida pela minha querida mãe, que inclui desde doses fartas de Rodrigo Faro e Sílvio Santos até aplicações homeopáticas de novela das 8 e “Todo mundo odeia o Chris”. Mas acabou calhando de numa dessas semanas passadas eu chegar em casa um pouco mais cedo e conseguir assistir um capítulo inteiro da atual temporada de Malhação (mesmo porque seria improvável conseguir assistir um capítulo da temporada passada, acho)

Continuar lendo

15 Comentários

Arquivado em Milton Neves, Mundo (Su)Real

Top 5 – Traços femininos um tanto quanto aterrorizantes

Efusividade excessiva: Ela é efusiva, alegre, animada, pra cima, felizona. E isso é bom, claro. Isso é sensacional, isso é fantástico. Mas ela é assim quando vocês saem, quando vocês chegam em casa, quando vocês dormem, quando vocês brigam, quando vocês transam, quando vocês visitam seus pais, quando vocês acordam, quando vocês bebem, quando vocês passam mal, quando vocês batem de carro, etc. Ela simplesmente não consegue parar de ser animada e efusiva, seja qual for o momento. Sabe quando você acorda as seis gripado e está ranzinza, chato, irritado? Ela está efusiva. Sabe quando seu chefe usou seu relatório de metas pra assoar o nariz e atirou na sua mesa? Ela está efusiva. Sabe quando você foi preso porque deixou seu amigo guardar uma bolsa na sua casa e aquilo tudo não era orégano? Ela está na delegacia, efusiva. E finalmente você entende porque não existiam casais normais naquele maldito desenho dos ursos Gummy.

Continuar lendo

12 Comentários

Arquivado em Top