Arquivo da tag: na verdade eu tinha escrito esse texto muito tempo atrás e esquecido dele e programado pra ser publicado num futuro que eu imaginei longinquo

Da nossa eterna irritação com o comum – ou “porque você odeia tanto o Latino”

Bambam-e-Dhomini-no-BBB-13-size-598

Uma coisa comum de ouvir por aí é que vivemos numa cultura da mediocridade. As pessoas não querem ver arte, as pessoas querem ver Big Brother, as pessoas não querem ouvir boa música, as pessoas querem Justin Bieber, as pessoas não querem grandes filmes, elas querem imensas franquias com carros que viram robôs. E ainda que existam ótimos argumentos tanto para questionar se não estamos realmente nos aproximando de um menor denominador comum cultural quanto para defender a graça de carros que viram robôs – sério, são carros, que viram robôs, você precisa admitir que isso é legal, vai – um aspecto dessa sensação geral de irritação sempre me pareceu muito curioso e ao mesmo tempo pouco abordado. O motivo disso nos irritar tanto.

Continuar lendo

10 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, homens trabalhando, Internet, Sem Categoria, situações limite, teorias