Arquivo da tag: quando você começa um texto com certeza do que quer dizer mas entra numa digressão bizarra e termina com esse lance da banda de folk que sinceridade nem eu sei de onde veio

Problemas práticos do romantismo teórico – XXIV

arrested

Como todos nós sabemos, o processo de comunicação humana é sempre algo de tortuoso. Entonações mudam o sentido de frases, sensações são as vezes complicadas demais para descrever, palavras podem ter um valor simbólico absolutamente diverso entre duas pessoas diferentes. Às vezes não sabemos o que queremos dizer, às vezes não conseguimos entender o que os outros dizem, às vezes sabemos o que queremos dizer mas não podemos, às vezes começamos uma frase e a pessoa completa mas ela não completa o que nós queríamos dizer e então tentamos corrigir mas ela completa errado de novo e aí completamos a frase dela e então viramos o cão do porta-mala. Como eu disse, é um processo complicado.

Continuar lendo

8 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, romantismo desperdiçado, séries canceladas, teorias, Vida Pessoal