Arquivo da tag: top

Mais dois casos clássicos dos double binds da vida

george michael

#Você organiza pelada e pelada é só amigos, pelada é só alegria. Futebol society, campinho gramado, barzinho do lado. Dois timinhos de seis, espaço pra trabalhar a bola, pensar na tranqüilidade, tocar pra quem tá mais bem posicionado, desenvolver a malícia desportiva. Timinho de fora pra manter competitividade, mas não completo, rola par ou ímpar pra ver quem fica. Durante dois meses tá de boa. Mês seguinte não tem timinho de fora, mas tá tranqüilo,corre mais, ainda que com menos seriedade porque sem sair você sabe como malandro fica. Um mês depois começa a ficar complicado de dar doze, tem que chamar galera da pelada anterior pra completar, mas tá de boa, é coisa do momento, janeiro é foda, geral de férias. Aí na outra semana só tem dez, maior correria, mas a pelada rola. Aí numa quarta chove e só tem seis, seis é foda. Na outra vão cinco, cinco é sacanagem. Falta dinheiro pra quadra, pelada mia, você fica puto. Manda email reclamando e pedindo pra cada um levar um amigo, pra pelada não morrer, email emocionado, usa a palavra “comprometimento” em itálico sublinhado. Chega quarta, cada um leva seis amigos. Pelada lotada, oito times de fora. Você pensa que agora tá bacana. Galera sai puta porque tinha gente demais e não rolava de jogar. Você pede pra galera confirmar no site antes de ir, pra isso não acontecer mais. Na outra semana tem seis pessoas. Depois tem cinco. Cinco é sacanagem. Você acaba com pelada. Organiza outra pelada. Outra pelada é só amigos, outra pelada é só alegria. Um dia você chega lá e só tem seis caras. Seis é foda.

Continuar lendo

12 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, citações, Desocupações, séries canceladas, teorias, Top, Vacilo

5 sugestões de músicas para um pancadão efetivamente neurótico

MC Sapão – Eu tô tranquilão (apenas no exterior já que por dentro ando me roendo de insegurança em relação ao nosso relacionamento)

MC Leozinho – Ela só pensa em dançar (o que tem me deixado meio preocupado porque ela está me dando menos atenção e eu acho que isso só pode querer dizer que ela quer terminar)

MC Marcinho – Tudo é festa (exceto pra mim porque eu não consigo me concentrar nas comemorações já que mandei esse sms pra ela dez minutos atrás e ela ainda não respondeu, o que só pode querer dizer que ela quer terminar)

Continuar lendo

12 Comentários

Arquivado em Desocupações, Músicas e derivados, Sem Categoria, situações limite

3 grandes vitórias pessoais do ano de 2011

Ser pago pra escrever – Uma sensação que eu sempre imaginei que deve estar entre as melhores do mundo é a de ser pago pra fazer aquilo que você ama. Não aquilo que você suporta, não aquilo que você tolera, não aquilo que você faz pela grana, não aquilo que você acha que pode agüentar durante vários anos se beber bastante e for tentando se motivar com atividades paralelas e apostas pessoais como “vou levar pra reunião esse projeto visual que envolve gatos halterofilistas como imagem de fundo para os comunicados de reestruturação corporativa, só pra ver o que rola”. E depois de ter, durante esse ano, pego alguns frilas que me permitiram ser pago pra escrever em outros lugares basicamente o mesmo tipo de coisa que eu escrevo aqui, eu posso dizer sem medo que a sensação é ainda melhor do que eu esperava.   Continuar lendo

11 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, crise de meia meia idade, quadrinhos, Vida Pessoal, vida profissional

Top 5 – Formas clássicas de terminar relacionamentos

Término em local privado: Terminar é uma tarefa das mais duras e complicadas, que você não pediu e nem gostaria de ter recebido, mas acabou caindo nos seus ombros. Então, em respeito ao seu parceiro, ao tempo que vocês passaram juntos e a tudo que aconteceu entre os dois, você decide que a melhor maneira de informar sobre a sua rescisão unilateral desse contrato bonito que foi o relacionamento de vocês é num local íntimo em sua casa ou na casa dela, onde os dois podem conversar com calma, sem a impessoalidade de um local aberto ou a presença de pessoas desconhecidas. Apenas vocês dois, celebrando um passado em comum e pensando num futuro que ambos esperam que seja feliz. Prós: discrição, privacidade, dá pra fazer nuggets se alguém sentir fome. Contras: se ela começar a tirar a roupa e disser que quer sexo de despedida fodeu tudo.

Continuar lendo

20 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, Internet, romantismo desperdiçado, situações limite, Vida Pessoal

5 grandes canções que você encontra quando digita “Wando” no Grooveshark e arca com as consequências desse ato

“Gazela” – Uma das lembranças mais antigas que eu tenho da minha infância é a capa de um disco do Wando que minha mãe tinha, chamado “Tenda dos Prazeres” na qual ele, fantasiado de califa, está deitado sensualmente numa tenda árabe cenográfica, segurando uvas cenográficas enquanto ao fundo desponta uma lua minguante cenográfica. E mesmo sendo eu na época ainda um garotinho com pouco ou nenhum conhecimento do mundo, uma coisa me passou pela cabeça: esse deve ser o tipo do cara que se refere a uma mulher como “gazela”. E não, não vamos discutir que tipo de influência negativa essa capa pode ter tido sobre minha mente na época em formação e nem porque eu realmente considero que fico bacana vestido de Alladin.

Continuar lendo

14 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, Desocupações, Internet, Músicas e derivados, Top

5 orientações pra quando você for conhecer a nova namorada/parceira casual/amiga especial do seu amigo

#Não seja proativo: Uma das grandes posturas geradoras de gafes no mundo é a proatividade.  As pessoas querem ser proativas no trabalho e estragam projetos, querem ser proativas no acampamento e matam animais fofinhos com pedaços de madeira, querem ser proativas na cozinha e incendeiam o fogão, daí ser necessário quando você conhece a namorada de um amigo, manter a postura mais reativa possível. Só chame a garota pelo nome depois que o seu amigo repetir essa identificação duas vezes, só se refira a ela pelo status depois que ele for confirmado por uma fonte externa e só expresse opiniões se tiver quem possa referendá-las. Essa é a melhor forma de evitar que você chame a Letícia de Marcela, a ficante de quem ele quer se livrar de namorada e comente que a ex dele lembrava um pouco um travesti exatamente quando está conversando com a mãe dela.

Continuar lendo

14 Comentários

Arquivado em é como as coisas são, homens trabalhando, referências, situações limite, teorias, Top, Vida Pessoal

Top 3 – Grandes porteiros que trabalham no meu prédio

# O Zé é o porteiro do turno da manhã e sempre está lá quando eu saio de casa (se eu sair na parte da manhã, claro. se eu só sair de tarde ou de noite ele já vai ter ido embora, porque o contrato dele envolve ficar lá na parte da manhã, não ficar lá até eu sair do prédio, não sei se ficou claro). Quando eu e o Tarcísio (o cara que racha apartamento comigo) nos mudamos pra lá, notamos que ele era o mais grosseiro e menos prestativo dos porteiros. Eu dava bom dia e ele não respondia, eu perguntava alguma coisa e ele apenas rosnava, eu estava chegando e ele não segurava o elevador, coisas assim.

Continuar lendo

10 Comentários

Arquivado em crise de meia meia idade, Top, Vida Pessoal

A mais longa playlist de músicas tristes (ou relativamente tristes) do universo: itens #201, #202, #203, #204 e #205

#201 – Scouting for girls- I’m not over you: De todas as possíveis formas muito, mas muito ruins de ser chutado por alguém – que incluem desde términos na noite do natal, na sua casa, durante a ceia, enquanto você come rabanada, até términos via sms, passando por caminhões de som tocando Djavan na frente do seu trabalho e chegando ao conceito do chute literal como prova de que não, não rola mais, acabou – uma das piores é o não-término. Sim, aquele em que ela não liga, ela não avisa, não te leva pra um restaurante pra dizer que o problema é ela e não você, não diz que espera que vocês possam ser amigos, ela apenas vai embora e não dá notícia. Mais do que apenas terminar contigo, ela salta etapas e finge que nunca aconteceu nada entre vocês dois, te retirando da cronologia da vida dela mais ou menos como a Marvel fez com o Tony Stark adolescente e a DC fez com Beppo, o super-macaco e aquelas histórias esquisitas em que o Batman se vestia de rosa.

Continuar lendo

7 Comentários

Arquivado em Músicas e derivados, Top

Top 7 – Grandes momentos do Just Wrapped em 2010

E então é Natal. Mas ao invés de perguntar o que você fez e te dar aquele momento desconfortável de retrospectiva do ano, lembrando das aulas que você matou na academia, seu namoro que acabou e seu bicho de estimação (um furão cego) que morreu após tentar nadar na privada, resolvi listar aqui os 7 grandes momentos do Just Wrapped em 2010, tomando como referência os textos mais acessados pelos nossos sensatos e sempre criteriosos leitores. Aproveitem então essa bela viagem pelo que este blog teve de mais emocionante, épico e até mesmo fofo no ano neste ano que passou, com um forte abraço a todos os envolvidos. Vem comigo!

Continuar lendo

4 Comentários

Arquivado em citações, Desocupações, Milton Neves, No News, Top

Meus 4 tipos favoritos de casal – Uma análise antropológica feita por quem está de fora

O casal amigão: Mais do que um casal, eles são seus amigos. É com ele que você bebe e joga bola, é com ela que você fala sobre garotas e pede conselhos de roupa, numa relação que só não pode ser chamada de adoção porque seria muito esquisito dormir na casa deles.  Eles te apresentam garotas, te animam quando você está chateado, dão palpites nos seus possíveis relacionamentos e te ajudam a se sentir menos desconfortável num mundo composto apenas por casais, além de te dar a oportunidade de ver praticamente o making-of de uma relação, com erros de gravação, cenas excluídas e não, nada de cenas picantes porque, como eu disse, isso seria esquisito. Eles são seus futuros padrinho/madrinha de casamento e sim, tomara que eles nunca terminem, porque você não suportaria uma outra disputa pela sua guarda após o divórcio dos seus pais.

Continuar lendo

18 Comentários

Arquivado em Declaração de princípios, teorias, Top, Vida Pessoal